FOTO: Juliana Campos

Blocos de rua movimentaram o Carnaval em SJDR

Carnaval de rua na cidade recebeu 51 blocos entre os dias 04 e 28 de fevereiro

Durante o mês de fevereiro, São João del-Rei se prepara para receber um grande número de turistas, atraídos pelo Carnaval na cidade dos sinos. Ao todo, 51 blocos tomaram as ruas da cidade, arrastado foliões por onde passaram. Os tradicionais desfiles das escolas de samba locais ocorreram no sábado e no domingo passado (25 e 26).

FOTO: Juliana Campos
FOTO: Juliana Campos

A cultura dos blocos de rua é bastante forte em São João, assim como em outros pontos do país. São vários os blocos que compõem a agenda carnavalesca local: a criatividade vai desde blocos tradicionais, aos formados por estudantes universitários, cada um garantindo seu espaço na maior festa popular do país.

Um dos blocos que desfilaram pelas ruas da cidade na sexta-feira, 24, foi  o CarNejo, organizado por Jéssica Braga e Fabiano Pinto. Este foi o primeiro ano do bloco. De acordo com organizadores, a proposta do CarNejo é “a mistura do nosso querido e tradicional Samba com o Sertanejo”. Apesar das dificuldades enfrentadas para conseguir botar seu bloco na rua, eles se mostraram otimistas: “É gratificante vencer todas essas dificuldades e ver a festa acontecer.”, afirmam.

Assim como os admiradores da música sertaneja, os fãs de futebol também têm seu espaço no carnaval local. No final de semana, torcedores do Atlético, Cruzeiro e Flamengo saíram com seus respectivos blocos, atraindo um grande número de foliões. É o caso do Raposão, organizado pelo cruzeirense Ricardo Jaques, que cedeu entrevista à VAN.

Ricardo afirma que o Raposão é o maior bloco de torcedores cruzeirenses em todo o estado de Minas Gerais, chegando a reunir cerca de 4 mil foliões em cada uma de suas cinco edições. “A gente tá conseguindo expandir o nome de São João del-Rei, não só o nome do bloco, e fazer um carnaval melhor”, declara orgulhoso.

Ricardo também conta que a boa fase do Cruzeiro em campo coincidiu com as primeiras edições do Raposão, servindo de estímulo para os torcedores locais: “A ideia principal era trazer um pouco do clima do Mineirão para SJDR”.

 

Desfile das escolas

Os desfiles das escolas de samba da cidade aconteceram durante o final de semana. No sábado, as agremiações Irmãos Metralha e Vem-me-Ver ocuparam a avenida Tancredo Neves. No domingo, foi a vez de São Geraldo, Mocidade Independente do Bonfim, Bate-Paus e Girassol.

A apuração dos votos, realizada na tarde da última segunda-feira, 27, consagrou Bate-Paus como grande campeã do carnaval são-joanense. O enredo campeão homenageou a cultura cigana. Unidos de São Geraldo e Grêmio Recreativo Irmãos Metralha também foram premiadas, conquistando, respectivamente, o vice-campeonato e o terceiro lugar.
TEXTO/VAN: João Vitor Bessa

Deixe uma resposta