Cidade Nova e Vargem celebram seu padroeiro

As comunidades dos bairros Cidade Nova e Vargem comemoraram, na última quarta-feira (19), o dia do padroeiro São José. As festividades tiveram início às 19 horas, com celebração eucarística. Em seguida houve a procissão e, na chegada, queima de fogos e leilão de mesa. 

O pároco de São Tiago Pe. Robson Cardoso explica que as festividades em honra a São José são também realizadas no dia 1º de maio, sendo que, em março, “celebramos São José [como] esposo de Maria, lembrando as virtudes do santo que acolheu Nossa Senhora grávida do Espírito Santo e recebeu isso como presente de Deus”. No entanto, no dia 1º de maio, celebra-se São José Operário, “lembrando o homem trabalhador, aquele que tem o trabalho como a dignidade para o sustento de sua família”. Assim, o pároco afirma que “São José é exemplo de amor, humildade, mansidão e tantas outras virtudes”, tornando-o uma figura importante dentro da Igreja Católica.

José Marcos Lara participou pela primeira vez das celebrações em homenagem a São José, e se mostra admirado em especial pelo “fervor das pessoas”. Ele diz ainda que se sente “muito grato à Igreja por nos ensinar e transmitir uma fé verdadeira através de suas celebrações e devoções, principalmente da vida de São José”, o qual, segundo ele, era um homem responsável, que não hesitava em cumprir seus compromissos como membro de uma família e homem religioso. Sendo assim, José Marcos Lara, honrado por ter o mesmo nome do santo, o considera uma inspiração também para toda a comunidade.

Maria do Carmo Resende pontua que esta celebração é muito importante, principalmente para a vida da Igreja, pelo fato de São José ter recebido a grande missão de Deus em ser pai do Salvador. “Esse santo popular nos deixou exemplo de fé e de como deve ser a nossa vida diante de Deus, mesmo que nem sempre compreendamos os desígnios D’Ele. Nos ensinou como deve ser a vida e a nossa vivência com humildade, amor, simplicidade e, sobretudo, alegria”. Maria do Carmo enfatiza: “a celebração de São José revigora a nossa fé e nossa vida”. 

VAN/Marcus Santiago 

Deixe uma resposta