Comércio são joanense se prepara para o dia das crianças

O dia 12 de
outubro é conhecido no Brasil como o Dia das Crianças. Em comemoração, as
escolas em geral promovem atividades recreativas. Entretanto, os costumeiros
presentes ainda chamam muito a atenção da “garotada”. Em resposta a isso, o
comércio de São João del-Rei, como em todos os anos, preparou seu estoque, para
atrair os consumidores.
Em 2012, houve um aumento nas vendas
de 2,5% em relação a 2011. Já nesse ano, segundo o presidente do Sindcomercio
Wainer Pastorini Haddad,  há expectativa
de que as vendas não superarem as do ano passado. Segundo ele, “se atingirmos o
número de vendas do ano passado já nos damos por satisfeitos”.
 
Wainer afirma ainda que os brinquedos
continuam sendo os produtos de preferência nessa data. “Temos brinquedos
diversos e com variedade na faixa de preços, conseguimos assim atingir a todos.
Mas os mais procurados são os de faixa de menor valor”, finaliza.
A
proprietária de uma loja de utilidades Ana Paula Carazza diz que, inicialmente,
a expectativa de vendas era boa, mas já caiu. “Até então, acreditamos que não
iremos alcançar as vendas do ano passado”. Na loja de Ana Paula, os produtos
mais procurados nessa data são kits de casa, soldadinhos, bolas e brinquedos ligados
a personagens da mídia. “Sempre tem as novidades da época. Esse ano é a boneca
Monster High que ganha destaque nas vendas”, declara a proprietária.
Na contramão da baixa expectativa de
vendas, o sócio de uma loja de brinquedos José Imbriosi afirma que há uma
previsão de 9% de aumento das vendas em sua loja em relação ao ano passado. “Já
estamos vendo esse resultado”, comenta.
Segundo Imbriosi, os fornecedores de
brinquedos são muitos, as opções são variadas, mas, fundamentalmente, os
brinquedos mais procurados são os que têm um trabalho ligado à mídia, “como os
brinquedos da Disney, Discovery Kids, Cartoon Network, entre outros”.  A faixa de preço atinge a todos, de acordo
com Imbriosi. “Temos produtos de até mesmo 500 reais, mas os mais vendidos são
os de faixa mais barata, de cerca de 20 reais”, ressalta.
A
vendedora Jéssica Rosa, mãe de uma menina de quatro anos, diz que costuma dar
presente no dia das crianças. “Pergunto o que ela gostaria de ganhar e dou a
ela. Ela sempre escolhe os mais ‘carinhos’, às vezes ela pede roupa, às vezes
brinquedos. Esse ano, por exemplo, ela me pediu brinquedo”, conta. Para a
vendedora, o dia das crianças é uma data muito importante, que deve ser
comemorada.

VAN/Fernanda
Rezende e Fernanda Almeida
Foto: Fernanda Rezende

Deixe uma resposta