Skip to main content
11349003_681879001918655_1555087838_n

Encontro de Bandas promove a cultura musical em Santa Cruz de Minas

11349003_681879001918655_1555087838_n

O III Encontro de Bandas de Santa Cruz de Minas reuniu nove agremiações de outras cidades mineiras, a maioria da região, além de uma do município, para trazer para o público um repertório variado, indo desde os clássicos de ABBA, até ritmos atuais. O evento aconteceu recentemente na Praça São Sebastião.

Com início às 9 horas, as bandas participantes desfilaram por algumas ruas do Centro da cidade, localizadas entre a Escola Municipal Professora Luzia Ferreira e a Praça São Sebastião. Com a chegada à praça, cada banda apresentou o seu dobrado. Depois, todas se reuniram para tocar o Hino Nacional; em seguida, todas juntas apresentaram, no tradicional “bandão”, a melodia “Dois Corações”, do compositor fluminense Pedro Salgado.

Segundo o regente da banda anfitriã do evento, a Corporação Musical São Sebastião, Reinaldo Carvalho, “hoje os músicos tocam seus instrumentos divinamente” e a conversa entre os regentes, são pontos que permitem troca de experiências e aprimoramento das bandas participantes. O regente da banda destacou ainda:

– “Nossa intenção é sempre atingir os dois públicos, tanto os músicos, quanto os que estão assistindo”.
De acordo com Carvalho, “a prefeitura deu total apoio ao evento, nas questões financeiras, na logística, nos ofícios, convites, alimentação e preparação; a banda ficou com a organização”. Ele salientou, ainda, que esta comunhão entre ambos foi fundamental para o bom êxito da festividade.

11647429_681879058585316_1111452280_n

E foi o que aconteceu aos olhos das pessoas que estavam prestigiando o evento. Alessandra Silva afirmou participar todos os anos porque o evento “é muito bacana, muito interessante, principalmente para os adolescentes”, ao promover a inserção da juventude na cultura musical.

Este ano o encontro teve a presença de um representante da Secretaria Estadual de Cultura, o Maestro Lindomar Gomes, que se encantou tanto com a organização e com a competência de todos os organizadores, quanto com a execução dos dobrados no repertório. O representante estadual salientou:

– “Eu vim aqui representar o Secretário Estadual de Cultura, Angelo Oswaldo de Araújo Santos. Estou encantado com a qualidade, com o refinamento das músicas, e, sobretudo, com a valorização de apoiar o jovem nas bandas”.

A diretora de cultura e turismo da Prefeitura de Santa Cruz de Minas, Betânia Resende ressaltou que a presença do Maestro Gomes “muito nos engrandece, porque sabemos que todo trabalho feito para a cultura carece de recursos; então essa parceria com o estado é de grande importância”.

Outro diferencial foi a participação da Banda de Nossa Senhora de Candeias, da Cidade de Candeias, situada há aproximadamente 180km de Santa Cruz de Minas. O regente Alan Ferreira Barreto soube do evento através do Facebook e entrou em contato com os organizadores, para que, juntamente com a sua banda, pudesse apresentar. Ele também acrescentou que a integração dos músicos é muito importante:

– “Teremos um encontro de bandas em Candeias, então essas bandas vão ao nosso encontro”.
O bancário e tubista Diogo Ribeiro, músico da Corporação Musical São Sebastião, acredita que “existem bandas de cidades pequenas com níveis muito altos” e pelo tamanho delas “as pessoas têm como lazer a música e se dedicam mais a ela”.

Nas palavras de Betânia Resende, “o Encontro de bandas para Santa Cruz de Minas representa o prestígio que a nossa Corporação Musical está conseguindo na nossa comunidade”.

11651069_681879005251988_1063179586_n

A prefeita Sinara Campos elogiou a Corporação Musical São Sebastião e concordou com as palavras do Maestro Lindomar Gomes, ao afirmar que “a cultura e a educação são transformadoras”::

– “Eles alavancaram e inspiraram projetos musicais. Hoje, a partir deles, temos outros projetos voltados para a música, como a Orquestra Mirim, a Orquestra Jovem, o Projeto de Violão. Para o município, a música ou qualquer forma de expressão cultural é muito importante do ponto de vista da identidade enquanto cidadãos e também na questão de conhecer novos valores e caminhos através da música, da arte e da cultura”.

Texto: Emanuel Reis/VAN
Fotos: Emanuel Reis

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: