Espetáculo “Enquanto tecemos” agita mais uma noite do Inverno Cultural

Na noite da última quarta-feira (17), a Companhia Suspensa, de Belo Horizonte, apresentou no Teatro Municipal de São João del-Rei o espetáculo “Enquanto Tecemos”. Baseado na obra Odisséia, de Homero, conta com a participação de três integrantes que misturam dança, expressão corporal e artes plásticas. Essa composição faz do espetáculo uma grande produção, direcionada para aos mais variados públicos.

O ator e diretor da exibição, Sérgio Penna, diz que a peça já não é realizada por eles há mais de um ano. Os dançarinos tiveram menos de uma semana pra ensaiar. “Honestamente, hoje a gente teve um espetáculo meio caótico. Tivemos uma semana para ensaiar, com dificuldades, porque temos vidas muito atribuladas. É uma parceria de nós três. Não temos uma regularidade de trabalho, a gente se prepara para fazer as apresentações e torce para fazer cada vez melhor”, relata Sérgio.

A apresentação procura transmitir as dificuldades do encontro amoroso e mostra como a espera pode separar e aproximar as distâncias entre nós. A atriz e dançarina, Roberta de Moraes, representa Penélope, personagem que está na condição da espera pelo marido que fica fora de casa por cerca de 20 anos.

“Procuramos colocar o foco nela (Penélope), na condição da mulher que está esperando, e no manto que ela faz e depois desfaz. Ela tem várias questões que acho interessantes e o espetáculo é bem centralizado nisso”, explica.

Para os espectadores, de crianças a idosos, “Enquanto Tecemos” conseguiu atender as expectativas. Luciana Oliveira e Mirian, estudantes do curso de Teatro da Universidade Federal de São João del-Rei (UFSJ), estiveram presentes e falam que já tinham uma noção do que aconteceria em cena. “Sabíamos que seria uma coisa mais contemporânea assim. Achamos também muito legal a junção das artes cênicas com as plásticas. Essa coisa de ser ao vivo foi muito legal”, declaram as universitárias.

VAN/ Stephanne Fernandes; Iolanda Pedrosa; Wanda Diniz
Foto: Iolanda Pedrosa

Deixe uma resposta