Pais, professores, diretores e vereadores acompanharam a cerimônia de posse do parlamento jovem. FOTO/VAN: Elaine Maciel

Estudantes eleitos tomam posse no projeto Parlamento Jovem 2016

Projeto busca aproximar jovens da cidadania e da política municipal

Pais, professores, diretores e vereadores acompanharam a cerimônia de posse do parlamento jovem. FOTO/VAN: Elaine Maciel
Pais, professores, diretores e vereadores acompanharam a cerimônia de posse do parlamento jovem. FOTO/VAN: Elaine Maciel

Nesta sexta-feira (06), os estudantes eleitos tomaram posse no projeto Parlamento Jovem 2016, em São João del-Rei. O evento, que aconteceu no plenário da Câmara Municipal, contou com a participação de pais, vereadores, diretores e demais autoridades de oito escolas que aderiram à iniciativa. O objetivo é promover educação e cidadania entre os jovens, além de uma maior interação entre o Legislativo Municipal e as escolas, para que haja mais compreensão sobre a função do vereador.

Durante o cerimonial, os vereadores deram boas-vindas aos novos parlamentares. Também foram entregues medalhas aos presidentes do Parlamento Jovem entre 2007-2014 pelo coordenador do projeto Antônio Carlos Duque Estrada, que optou por homenagear os estudantes neste ano, já que anunciou sua aposentaria. A presidente de 2015, Bruna Conhoni, comentou sobre sua experiência. “Temos mais contato com a política. Isso nos ajuda a escolher os vereados que vão nos representar, representar a cidade. Também nos dá mais sabedoria sobre as leis”.

Mais de 3.500 alunos, do 6° ano do ensino fundamental ao 3° ano do ensino médio de escolas da cidade, votaram nas eleições do Parlamento Jovem Municipal 2016. Ao todo, 30 candidatos concorreram a uma das 13 cadeiras do projeto. A apuração aconteceu na última quarta-feira (04).

A parlamentar-jovem eleita Lívia Rios, que cursa o 1º ano do ensino médio na Escola Estadual Governador Milton Campos (Polivalente), conta que se inscreveu para levar as necessidades da escola  aos vereadores. “Às vezes, temos algum problema na escola que deve ser resolvido. Com a representação, podemos buscar ajuda para melhorar o que for possível”, explica.

As escolas com mais de um candidato tinham direito a duas vagas, e as instituições que apresentaram como concorrente apenas um aluno foram aclamadas com a representação garantida no Parlamento Jovem.

Preparação para as eleições

Parlamento Jovem - projeto busca aproximar jovens da política. FOTO: Divulgação
Parlamento Jovem – projeto busca aproximar jovens da política. FOTO: Divulgação

Os preparativos para as eleições do Parlamento Jovem Municipal deste ano começaram em 14 de março, na sede da Superintendência Regional de Ensino, com uma reunião entre o coordenador do projeto, Antônio Carlos Duque Estrada, e os diretores das escolas estaduais e particulares. Esse encontro definiu o processo para a realização das eleições dos jovens vereadores.
Segundo Duque, agora que os estudantes tomaram posse, eles vão participar de uma maratona de palestras e debates. Os 13 vereadores jovens vão começar a redigir propostas que serão votadas na Câmara Municipal pelos colegas, no mesmo padrão do Legislativo tradicional. “A política não é ‘coisa’. É o nosso dia-a-dia, é a nossa vida. É simples: ela está inserida na nossa vida, então, por que não fazer parte dela? Por isso, eu peço aos professores que falem de política em sala de aula, de forma apartidária assim como é o Parlamento Jovem”, afirmou durante a cerimônia.


Confira todos os parlamentares jovens eleitos nesta 5ª edição do projeto:


David Batista Nascimento, da Escola Estadual Iago Pimentel;

Isabela Raquel de Paula e Luana Kátia Santos Nazareth, da Escola Estadual Cônego Osvaldo Lustosa;

Laura Ziviani Vale Silva e Isabel Cannan Souza Oliveira, da Escola Estadual João dos Santos;

Laís Felipe de Morais e Luís Felipe dos Santos, da Escola Estadual Garcia de Lima;

Lívia Rios e Ricardo Augusto Andrade de Melo, da Escola Estadual Governador Milton Campos (Polivalente);

Júlia Nogueira Ashidani e Lucas Renato de Oliveira Mourão, do Colégio Nossa Senhora das Dores;

Thiago Elias Santos Teixeira, do SESI;

Luís Felipe Maciel Serpa, do Colégio Frei Seráfico.

 

TEXTO/VAN: Elaine Maciel

Deixe uma resposta