Fortes chuvas em São João del-Rei: moradores falam após passados mais de dois meses

As fortes chuvas que
cairam em janeiro de 2012, castigaram a cidade de São João del-Rei. Foram
muitas as famílias que perderam bens como móveis, roupas e mantimentos, além de
terem ficado ilhadas. Segundo dados da Defesa Civil de São João del-Rei, foram
atingidas diretamente pelas chuvas cerca de 1200 pessoas e 500 casas, além de
ruas e pontes, que foram interditadas e danificadas. Agora, mais de dois
meses após as chuvas, os atingidos ainda se recuperam.
Maurício Possa Lopes,
agente da Defesa Civil da cidade, disse que o trabalho de monitorar e auxiliar
as secretarias municipais para o apoio das famílias foi feito e que o governo
prometeu cerca de 900 mil reais para auxílio em São João del-Rei, mas não sabe
se a quantia foi realmente entregue à prefeitura.
Durante as enchentes,
surgiu a Brigada Voluntária Anjos das
Vertentes,
que começou com uma página criada na rede social facebook por
Beto Sanches, pedindo solidariedade às vítimas das chuvas em São João del-Rei.
O movimento cresceu e da internet foi para as ruas, com vários voluntários auxiliando
no recolhimento e distribuição das doações arrecadadas.
Dona Romilda, moradora
do bairro Colônia do Marçal, teve sua casa invadida pela água e conta que salvou
alguns pertences, mas perdeu o guarda-roupas, armário da cozinha, mantimentos,
dentre outros bens. Outro morador, também da Colônia do Marçal, que teve sua
casa atingida foi o senhor Cláudio e sua mulher Agnalda. O casal perdeu
guarda-roupas, o armário da sala, computador, além das 30 galinhas que criavam
no quintal da casa.  Os moradores contam
que levou cerca de uma semana para a água abaixar e após as enchentes, eles
tiveram que contar com doações de amigos e parentes para se reestruturarem.
Atualmente, dois meses
após as chuvas, as famílias continuam nas casas atingidas e com o próprio
trabalho se recuperam aos poucos. Nas casas, as marcas na parede evidenciam o volume,
a altura que a água atingiu. Os moradores se dizem abalados e ainda sentem medo
quando cai uma chuva mais forte: será difícil esquecer o trauma vivido em
janeiro passado. 
Reportagem: Fernanda Morais Amaral.
Foto: Prefeitura Municipal de São João del-Rei. 

Para
copiar e reproduzir qualquer conteúdo da VAN, envie um e-mail para
vanufsj@gmail.com, solicitando a reportagem desejada. É simples e
gratuito.
 

Deixe uma resposta