17918886_1452787688085540_948672228_n

Instituições de SJDR recebem teatro “Páscoa Mágica”

Iniciativa leva uma Páscoa mais feliz para as crianças de São João del-Rei

17911083_1452788161418826_1309210020_n

FOTO: Marcela Paiva/Arquivo Pessoal

Nesta quarta-feira, 12, três instituições de São João del-Rei receberão gratuitamente a apresentação de teatro “Coelhinha Travessa”, que busca despertar senso crítico nas crianças através de uma apresentação lúdica e interativa. A iniciativa é da pedagoga, atriz e professora de teatro Marcela Paiva, que realizou um sorteio via rede social para escolher as instituições que seriam beneficiadas. “Todo ano eu faço um sorteio que é uma forma de agradecimento pelo meu trabalho e pelo espaço que eu conquistei na cidade e região. É uma forma de retribuir”, conta Marcela.

A pedagoga também explica que o objetivo é atingir o maior número de crianças para incentivá-las a se expressarem e até mesmo começarem a reproduzir as peças. Neste ano, as instituições sorteadas foram: a Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (APAE)  de São João del-Rei, o Centro Educacional Semente do Saber e também o Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) do bairro Senhor dos Montes.  

A voluntária da APAE, Julieta Maria de Carvalho Filho, de 35 anos, foi a responsável por indicar a instituição para o sorteio da apresentação. Ela conta que a ideia de indicar a APAE veio para que as crianças tenham maior contato com a arte e com o teatro, já que os alunos gostam muito desse tipo de evento. “É muito importante, pois estimula a imaginação e eles interagem mais. Eu fiquei muito feliz de ser contemplada porque tenho certeza que os meninos vão amar”, explica.

Ao todo, foram 52 indicações de instituições para receberem o teatro de Páscoa. No CRAS, a apresentação irá acontecer para as crianças da brinquedoteca da entidade.  Patrícia Santos foi a representante da entidade no sorteio e afirmou que também ficou muito feliz com o resultado.

Segundo o site Brasil Escola, o teatro tem papel fundamental na infância, contribuindo para o desenvolvimento da expressão e comunicação e também ajudando a construir a percepção cultural dos alunos. “Nós vamos lá para, além de tudo, alegrar as crianças”, finaliza Marcela.

 

TEXTO/VAN: Elaine Maciel

Deixe uma resposta