Skip to main content
FOTO- Facebook - Maio Amarelo

Maio Amarelo: Mês propõe conscientização e luta pela segurança no trânsito

Campanha incentiva várias ações de conscientização no trânsito pelo país

Foto: Felipe Souza
Foto: Felipe Souza

O “Maio Amarelo” é um movimento com abrangência internacional que propõe conscientização para a redução de acidentes no trânsito. A cor amarela foi escolhida por simbolizar atenção e também por estar inserida em grande parte das sinalizações de trânsito. Em relação à escolha do mês, foi levada em conta a data em que a Organização das Nações Unidas (ONU) decretou a Década de Ação para Segurança no Trânsito, 11 de maio de 2013.

Um dos principais motivos da campanha é incentivar a participação da população, empresas, governos e entidades a contribuir com a segurança no trânsito. Essa também é a meta dos líderes do movimento Somos Todos Vítimas da BR-265 que. Este ano, o  grupo liderado por Daniel Gedder e Kelly Torres, resolveu se unir em prol do  Maio Amarelo. Em parceria com o 8° batalhão da Polícia Militar de Lavras, 6ª  região da polícia militar, 6ª CIA PM, EDUCAT, DER e outras empresas e instituições ligadas a área, o movimento tem realizado blitz educativas na BR-265 e confeccionado adesivos para serem distribuídos e colados nos carros que trafegam na rodovia.

Daniel ressalta a importância do Maio Amarelo que, além de chamar a atenção da sociedade para o alto índice de mortos e feridos no trânsito, ainda ajuda o movimento Somos Todos Vítimas da BR-265: “A mobilização da sociedade acontece por meio das redes sociais e vai além disso. Usuários e motoristas da BR-265 estão cada vez mais conscientizados, reflexo disso, é a diminuição do número de acidentes e mortes.” No entanto, ele comenta que o movimento não tem atingido pessoas de outros locais. A maioria dos acidentes envolve motoristas de outros estados e ou que não são da região, então Daniel espera que o Maio Amarelo consiga apoio nacional para atingir uma ampla conscientização dos e, também, a pretendida duplicação da BR.

O bancário Rodrigo Gentil de Lima Guimarães dirige há mais de 30 anos e, durante esse tempo, já presenciou ou esteve envolvido em acidentes na estrada. Ele conta dois casos em que o principal motivo do acidente foi a imprudência de outro motorista. O primeiro ocorreu enquanto ele dirigia em uma rotatória: “Entrei e um carro em alta velocidade passou por cima da rotatória e passou direto, não parou. Não vi nem a placa e freei. A lateral do veículo deve ter ficado toda destruída.” Já o segundo ocorreu em um trevo, enquanto Rodrigo vinha de Juiz de Fora para São João Del Rei: “O carro da frente deu seta para a direita, como se fosse entrar no trevo. Ela errou a entrada e fez uma conversão à esquerda, em faixa contínua, causando o acidente.” Para Rodrigo, o Maio Amarelo é uma campanha extremamente importante para a preservação da vida e segurança no trânsito. Para ele, quanto maior a conscientização, menos abusos nas estradas e, consequentemente, menos acidentes.

Maio Amarelo em São João Del-Rei

São João del-Rei também participa da campanha com a  “Passeata pela paz no trânsito”, promovida pela guarda municipal da cidade. Uma das atribuições da Guarda Municipal de São João del-Rei está relacionada ao trânsito, tanto em sua fiscalização, como na conscientização sobre os riscos de infringir as regras de trânsito. Em conformidade com o Maio Amarelo, o guarda municipal Helvister Resende complementa que “a Guarda Municipal começou a fazer blitz e intervenções educativas e, para encerrar as ações, será realizada a passeata”.

O evento acontece neste sábado (27), às 9h30min, começando com a concentração na praça do Coreto da Av. Tancredo Neves. A programação ainda conta com diversas atividades socioeducativas relacionadas à educação e conscientização no trânsito. Em seguida, haverá a passeata que encerrará as ações.

Texto/Van: Felipe Souza, Scarlet Freitas

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: