Skip to main content
Lounge da Mostra recebeu grande público durante todo o dia

Mesmo com chuva, bom público comparece ao sexto dia da Mostra de Tiradentes

Salas de exibição ficaram lotadas 

Lounge da Mostra recebeu grande público durante todo o dia
Lounge da Mostra recebeu grande público durante todo o dia

O sexto dia da 19ª Mostra de Cinema foi recebido com muita chuva em Tiradentes; mas, apesar do tempo ter atrapalhado a socialização do público nas ruas e praças da cidade histórica, ela ajudou a lotar as salas de exibição nesta quarta (27).

“O movimento está excelente. Mesmo com a chuva, a lotação não caiu nem um pouco. Continua bombando”, informa Gustavo Goulart, que trabalha na produção da Mostra. “Não estive em nenhuma sessão com menos de 400 espectadores”, completa.

O dia contou com 14 curtas-metragens divididos nas mostras: Espaços em Conflito, Formação, Curtas na Praça e Foco. Além da pré-estreia nacional de Clarisse ou Alguma Coisa Sobre Nós Dois, de Petrus Cariry e a pré-estreia mundial de Taego Ãwa, documentário de Henrique Borela e Marcela Borela, focado no encontro de seus realizadores com a tribo indígena Ãwa.

Para o são-joanense Patrick Geraldo Salomão, um dos destaques do sexto dia do evento foi o curta Pé Sem Chão, de Sérgio Ricardo. “Tem uma crítica social interessante sobre os moradores de classe média, que com a pacificação das favelas, tomam os morros. Mas, isso só se faz entender, porque um dos produtores foi à frente e nos disse. Com esse conhecimento prévio, nós entendemos”.

Na programação do dia 28, quinta-feira, destacam-se a sessão-debate de Um Salve Doutor, de Rodrigo Souza & Souza; a pré-estréia nacional de Santo Daime – Império da Floresta, de André Sampaio e a pré-estréia mundial de Filme de Aborto, de Lincoln Péricles.

Confira a programação completa da Mostra clicando aqui.

TEXTO/VAN: LUCAS MARANHÃO

FOTO: LUCAS MARANHÃO

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: