Scarlet Freitas (2)

O lado que ninguém aplaude

Já parou para pensar em todas as pessoas que trabalham em função de uma obra ou espetáculo? Normalmente, esse itens passam despercebido pela maioria das pessoas. Os vendedores das barracas, os profissionais que organizam o palco, controlam as luzes e o som, os fotógrafos que registram os momentos, os porteiros.

Do mesmo modo nem passa pela nossa cabeça o processo de criação de uma obra quando a vemos finalizada, pode até surgir uma curiosidade sobre a técnica e materiais usados, mas nos esquecemos do trabalho que artista tem para ter uma grande ideia e de todo cansaço e bagunça durante o processo de produção.

Pensando nisso fomos atrás de pessoas que fazem parte da construção do Inverno Cultural de São João Del-Rei, mas que muitas vezes passam despercebidas. Um deles é Elder Vitor Sandim Junior, que trabalha há cinco meses como porteiro na UFSJ e atualmente está trabalhando no Centro Cultural, local que está sediando várias exposições. Elder conhece bem o evento e nos momentos de folga também desfruta das atrações do Inverno Cultural. Além disso relatamos também um pouco do processo de produção do painel Nativa Guarani que está sendo criado pelo artista Julio Cesar Aristizabal.

TEXTO/VAN: Scarlet Freitas

FOTOS/VAN: Scarlet Freitas

Este slideshow necessita de JavaScript.

Deixe uma resposta