Programa de Coleta Seletiva Solidária do Instituto Federal inicia suas atividades

O Programa de Coleta Seletiva Solidária do Campus São João del-Rei começa 2012 operando a pleno vapor. Trata-se de uma iniciativa do Setor de Recursos Naturais do Instituto Federal e da Diretoria de Extensão da UFSJ em parceria com a ACI del-Rei – Associação Comercial e Industrial, a ONG Atuação, e as ASCAS – Associação dos Catadores de Material Reciclável de São João del-Rei.

Segundo a gerente do Setor de Recursos Naturais e Presidenta da Comissão de Coleta Seletiva, Profª. Alessandra Fernandes, as parcerias firmadas visam à expansão da cooperação entre o Instituto e as organizações comunitárias. “O Instituto Federal, por meio das parcerias, poderá efetivamente contribuir para a sociedade são-joanense. Por meio de um trabalho conjunto, consegue-se bons resultados a longo prazo”.
Parcerias
A Universidade Federal conta com o projeto UFSJ Bioagradável – uma rede ambiental com o intuito de implementar ações coletivas que melhorem a relação da comunidade com o meio em que está inserida. Além deste, a UFSJ coordena um projeto de extensão em parceria com a ASCAS, projeto este que une preocupação ambiental com inclusão social.
A ASCAS, recolhe cerca de 40 toneladas por mês de material reciclável nas ruas de São João del-Rei. As pessoas envolvidas continuam na busca de soluções e parcerias que tornem a Associação um empreendimento solidário que garanta aos seus membros condições dignas de vida e inserção na sociedade, ao mesmo tempo em que contribui de maneira significativa com a diminuição do impacto ambiental no município de São João del-Rei. Prova disso foi a conquista do 10° Prêmio Banco Real – Universidade Solidária pela associação.
A ONG Atuação, em seu projeto Atuação Ecológica, com o objetivo de promover a educação ambiental, recolhe óleo de cozinha usado em 22 postos de coleta espalhados por São João del-Rei, Santa Cruz de Minas e Tiradentes. Esse óleo é transformado por mulheres da comunidade em barras de sabão que são vendidos na região e ajudam a manutenção das atividades da ONG. Com essa iniciativa, o óleo que suja é o mesmo óleo que limpa.
À ACI del-Rei, foi apresentada uma proposta para que todos os estabelecimentos comercias do município utilizem sacolas ecológicas. O representante da Associação se mostrou interessado na proposta e se comprometeu a levá-la para debate entre os associados. Desde 2009, já existe a Lei Municipal nº 4.349, que obriga as empresas privadas e estabelecimentos comerciais que utilizam sacolas e sacos plásticos a substituí-los por sacolas e sacos ecológicos. No entanto, a lei não é cumprida por falta de fiscalização.
Texto: Luis Gustavo Silva dos Santos

Foto: http://programadecoletaseletivasolidaria.blogspot.com/



Para copiar e reproduzir qualquer conteúdo da VAN, envie um e-mail para vanufsj@gmail.com, solicitando a reportagem desejada. É simples e gratuito.

Deixe uma resposta