Skip to main content
[rafaela domingueti] Próxima tatuagem

Próxima tatuagem: pássaros ou espelho?

[rafaela domingueti] Próxima tatuagem

In.de.pen.dên.ci:a sf 1  Falta de dependência. 2 Liberdade. 3 Autonomia. A independência do Brasil foi declarada em 7 de setembro de 1822 por D. Pedro, príncipe-regente da Coroa portuguesa. 4  Inteireza. 5 Firmeza de caráter.

O conceito de independência dado no minidicionário da Língua Portuguesa Ruth Rocha deveria ser aquele seguido por todos. Mas as bagagens que cada pessoa carrega permitem, a cada um, modificar os significados da vida e das palavras. Alguns resumem a independência numa tatuagem: seja de pássaros, borboletas ou uma das mil possibilidades existentes no portfólio do tatuador. Tem aqueles que se sentem independentes ao receber o primeiro salário ou ao sair da casa dos pais. Há também quem só a tem quando sai pelo mundo para fazer um mochilão ou quando acaba o namoro de anos que o sufocava tanto.

Descobrir a independência não tem idade, raça, conta bancária nem situação adequada. Simplesmente acontece. Independência é sinônimo de amor próprio, de fazer o que o coração manda e ter responsabilidade de lidar com as consequências.

Queria, mas não posso dizer que D. Pedro foi um herói e nos libertou no segundo que disse as palavras “Independência ou morte!”. Aliás, a História inventa muita história. Heróis continuam sendo personagens de romances, rei ou presidente representam uma nação. Apenas. O heroísmo está dentro de cada cidadão ao lutar por sua independência.

Eu não sei o que o então príncipe-regente pensava ao declarar a independência brasileira, mas gostaria de agradecê-lo, se pudesse. Querendo ou não, foi ele quem deu o primeiro passo para dar liberdade ao povo brasileiro de protestar contra o governo, atualmente, por exemplo. Agora, cabe a nós saber usar essa independência a nosso favor e nos responsabilizar pelos resultados dos nossos atos.

Independência é bom e todo mundo a quer. Porém, pra mim, a independência é representada pelo espelho, nele posso ver meu reflexo. É nesse reflexo que posso me analisar e ver, dentro de mim, o poder de me independer de tudo, seja de qualquer tipo ou forma. 

TEXTO/VAN: RAFAELA DOMINGUETI

ARTE: LAILA ZIN

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: