Religiosidade e tradição marcam festa em honra a São Benedito em Andrelândia

      Entre os dias 10 e 13 de maio aconteceu em Andrelândia, a festa em honra a São Benedito. Tradição na cidade, a comemoração é marcada por forte religiosidade e grandes celebrações na igreja que leva o nome do santo católico.
      Os dias 10, 11 e 12 foram marcados por homenagens ao santo. No sábado, 12, o destaque da festa foi a Cavalgada de São Benedito, com saída da Fazenda Pasto Grande, percorrendo o trajeto ate à igreja onde os cavaleiros receberam a benção. Para Lúcio Santana, morador de Andrelândia, a cavalgada é movida pela fé dos devotos: “A cavalgada é curta, mas é animada, a devoção é muito grande e os cavaleiros participam mais para receber a benção no final”. No mesmo dia, reforçando a importância cultural da festa, a celebração litúrgica foi animada e organizada pelo Grupo Afro de Andrelândia, contando com a participação do Padre Marcos Alexandre Pereira, Pároco da Paróquia Nossa Senhora Aparecida, de Lavras/MG.
      Logo pela manhã, a Alvorada Festiva anunciou o início das festividades do dia 13, domingo, que foi dedicado também à Nossa Senhora de Fátima e às mães. No mesmo dia a procissão a São Benedito e Nossa Senhora de Fátima, antecederam a missa em homenagem às mães e o leilão de prendas.
      Durante a festa, vários barraqueiros se reúnem na cidade e movimentam a economia local. A maioria vem de cidades próximas a Andrelândia, mas também existem barracas do município, como a conhecida barraca da paróquia, onde trabalham voluntários e os produtos vendidos são produzidos através de doações da comunidade. Policial militar reformado, Pessin participa da festa de São Benedito como barraqueiro há cerca de dez anos e garante que as vendas são animadoras. Já Marília Maria de Carvalho destaca a importância da festa para a religiosidade e para a confraternização das pessoas.
      Para participarem da festa, os barraqueiros pagam uma contribuição à paróquia, que também arrecada fundos com a própria barraca durante os dias de comemoração. Toda a verba é empregada nas atividades de manutenção e preservação das igrejas da cidade.
      Reportagem e foto: Caroline Araujo.

Para copiar e reproduzir qualquer conteúdo da VAN, envie um e-mail para vanufsj@gmail.com, solicitando a reportagem desejada. É simples e gratuito.

Deixe uma resposta