O evento contou com a presença da Corporação Musical São Sebastião. FOTO: Luiz Antonio Cruz

Santa Cruz de Minas em Livro

Livro foi idealizado a partir do Projeto de Educação Patrimonial, desenvolvido pela Escola Estadual Amélia Passos

O evento contou com a presença da Corporação Musical São Sebastião. FOTO: Luiz Antonio Cruz
O evento contou com a presença da Corporação Musical São Sebastião. FOTO: Luiz Antonio Cruz

Na última sexta feira (23), ocorreu o primeiro lançamento do livro Serra de São José. O evento ocorreu na Escola Estadual Amélia Passos, em Santa Cruz de Minas. A comunidade local e alunos da escola estiveram presentes na cerimônia, além da participação da Corporação Musical São Sebastião e do Congado de São Miguel. O próximo lançamento será dia 30, no SESI Tiradentes – Centro Cultural Yves Alves, às 17h.

Luiz  Antonio Cruz, professor, pesquisador e autor do Livro, ressalta que a temática da Serra de São José é de grande interesse, inclusive para os turistas brasileiros e estrangeiros, público bem comum na cidade onde ocorrerá o segundo lançamento, e aguarda o mesmo sucesso alcançado em Santa Cruz de Minas.

Para a realização da obra, foram utilizados recursos da Secretaria de Estado de Educação. De acordo com Luiz, a ideia do livro surgiu com o Projeto de Educação Patrimonial, desenvolvido pela Escola Estadual Amélia Passos, entre 2015 e 2016. Ele explica que foram realizadas diversas atividades envolvendo os alunos e equipe da escola.

Primeiro foi promovida uma Gincana Patrimonial em que os alunos pesquisaram sobre os aspectos do patrimônio material e imaterial de Santa Cruz de Minas. Depois, foi realizada uma assembleia para escolher um bem patrimonial em que a Serra de São José foi eleita como o principal. A partir daí, os trabalhos foram desenvolvidos com ênfase à serra. As atividades pedagógicas foram registradas para a memória do projeto e também para compor o livro.

O estudante Vitor de Matos Silva é aluno da Escola Estadual Amélia Passos e chama a atenção para a organização e colaboração dos alunos e professores para realização do projeto. Entre as atividades promovidas, ele diz  que suas preferidas foram as caminhadas pela serra de São José  e a gincana. Já no dia do lançamento, ele destaca a apresentação da equipe vencedora da gincana, a equipe laranja, representando danças de origem indígena.

O livro

O livro Serra de São José apresenta aos leitores figuras, locais, crenças e patrimônios de Santa Cruz de Minas e sobre as belezas e preciosidades da Serra. Aborda sobre o surgimento da cidade, pessoas que se destacaram na história do local e também sobre aquelas que contribuíram e continuam contribuindo para a história e identidade da cidade, locais que se destacam pela história, beleza ou importância. Fala do artesanato, da religião, das lendas, da Estrada Real, do congado e da Corporação Musical São Sebastião e diversos outros elementos ligados ao município e à Serra.

As plantas medicinais são preparadas por Orlando Vicentini antes de serem comercializadas. FOTO/VAN: Scarlet Freitas
As plantas medicinais são preparadas por Orlando Vicentini antes de serem comercializadas. FOTO/VAN: Scarlet Freitas

O operário Orlando Vicentini é famoso na região por possuir conhecimento e comercializar plantas medicinais. Além de conquistar um espaço no livro, auxiliou nas caminhadas que os alunos realizaram pela serra de São José. Ele esteve presente no lançamento, na Escola Estadual Amélia Passos, e, além de elogiar a organização do evento, ressalta o orgulho em participar do livro e ser considerado uma figura importante na construção da identidade do município.

Vicentini atua nessa área, há 35 anos, e foi influenciado pelo irmão mais velho que trabalhava como raizeiro. Aos poucos foi se interessando pela profissão e adquiriu alguns livros sobre o assunto. Com isso, somou com os conhecimentos que foi conquistando enquanto acompanhava o irmão e se aprimorando. A partir daí, Vicentini começou a preparar plantas e garrafadas medicinais, nas horas de folga, e, em meio à grande demanda, teve a ideia de abrir uma banca para seu filho, que se encontra até hoje no Mercado Municipal.

A obra pode ser considerada uma grande riqueza para os moradores de Santa Cruz de Minas e uma fonte de informação para aqueles que possuem interesse na história e nos patrimônios da cidade.

 

TEXTO/VAN: Scarlet Freitas

Um comentário em “Santa Cruz de Minas em Livro

Deixe uma resposta