São-joanense Gilberto é novo auxiliar técnico do Goiás

Ex goleiro fará parte da comissão técnica que comandará o clube esmeraldino no Brasileirão e na Copa do Brasil

Após uma carreira de sucesso como goleiro, Gilberto volta aos gramados como auxiliar técnico
Em anuncio feito esta semana, o Goiás acertou com o ex goleiro profissional Gilberto. O são-joanense será auxiliar técnico de Ricardo Drubscky na primeira divisão do Campeonato Brasileiro. Antes do acordo selado nesta segunda-feira, (14), Gilberto era coordenador de base do Social de São João del-Rei. O agora braço direito de Drubscky embarcará para Goiânia na quinta-feira, (17). Será a primeira experiência dele na comissão técnica em um time da série A do Brasileiro. 

Gilberto que irá trabalha com grandes jogadores como Araújo, Victor, Harley entre outros, falou da expectativa para essa nova etapa em sua vida “Em princípio vamos manter base do time. O Ricardo obviamente vai indicar alguns nomes de jogadores que ele entende que vão ajudar no sistema tático que ele vai montar no Goiás”. Ele ainda completou falando sobre umas das estrelas do time, o experiente Carlos Alberto campeão da Champions League (maior torneio de clubes do mundo) pelo Porto. “Tecnicamente não tem como contestar a qualidade dele. Teve alguns deslizes, mas vamos conversar com ele, a gente sabe da categoria dele”. 

Com mais de 20 anos como jogador profissional e com passagens por Cruzeiro, América MG, Remo e Coritiba, o agora homem forte do Esmeraldino se preparou para esse nova condição “Desde do ano passado eu fiz vário cursos na CBF (Confederação Brasileira de Futebol), fiz estágios no Cruzeiro, Atlético PR, América MG e também estou fazendo curso de gestão esportiva (pela Universidade do Futebol) que é importante também para o treinador”   

Antes de assumir o cargo no Goiás, Gilberto era coordenador das categorias de base do Social, onde realizava um importante trabalho junto das crianças “Foi muito legal trabalhar com os garotos, a gente não apenas dá treino, nós conversamos com eles e ficamos preocupados com a formação do cidadão, não só do atleta”. Com a saída do coordenador, quem toma as decisões agora é Cacá, que falou sobre o assunto: “o Gilberto trouxe uma organização mais profissional para a base, algo que não havia em São João del-Rei. Eu estou com ele desde 2009 e minha metodologia de trabalho será a mesma”

O trabalho realizado no Social conta com o reconhecimento da comunidade do Matozinhos: “muitas crianças não tem condições financeiras pra pagar uma escolinha e ele ajudou muito nisso. Em um grande clube ele pode inclusive ajudar meninos de São João a crescer no futebol. Pra nós é muito importante a ida do Gilberto pro Goiás”, afirmou Henrique Lotti, pai de um dos jogadores do mirim do clube. 

Passagem relâmpago pelo Paraná Cube      

Dias antes de acertar com Goiás, a dupla havia fechado contrato com Paraná Clube, onde permaneceram por dez dias. Segundo Gilberto, foi difícil a decisão de rescindir contrato com o clube do Sul, mas a proposta do Goiás era irrecusável, tanto pelo aspecto financeiro, quanto pela estrutura. Outro fator predominante foi poder disputar o primeira divisão do Brasileirão 2014, que terá início no próximo fim de semana.   

Texto: VAN/Cristiano Giovanni e Diego Cabral
Foto: Arquivo Pessoal

Deixe uma resposta