Sede Coletiva: uma iniciativa para reviver o Coreto

Grupo tem como finalidade desenvolver ações culturais no “Coreto Maestro João Cavalcante”, localizado na Avenida Tancredo Neves 

Grupo Maracatu Raízes da Terra se apresentou no Coreto
Grupo Maracatu Raízes da Terra se apresentou no Coreto

Com a idéia de suprir a falta de ações culturais, criativas e colaborativas em São João del-Rei, o Coreto “Maestro João Cavalcante”localizado na Avenida Presidente Tancredo Neves, recebeu no último sábado, 22, o “Sede Coletiva”. O grupo representa uma união de coletivos, grupos e artistas da cidade, que tem como finalidade desenvolver ações no Coreto, e que já, no sábado, levou apresentações artísticas ao local.

O evento, que começou tímido, aos poucos foi ganhando corpo. Para o integrante do grupo “Maracatu Raízes da Terra”, Carlos Inácio Rodrigues, a iniciativa representa uma ação muito importante, mas diz que a falta de apoio foi um detalhe a ser observado.

A massoterapeuta Júlia Teixeira considera que o evento é um incentivo cultural para a cidade, e, para ela, o evento vem para valorizar um monumento importante para São João que está parado e que a população precisa se manifestar para mudar essa história.

Público compareceu ao Coreto no último sábado
Público compareceu ao Coreto no último sábado

 

Um dos organizadores, Pedro Largo, ressaltou que, mais que um evento, o objetivo é criar incentivos para a cultura são-joanense, além de movimentar o antigo coreto “Uma conquista de cidadãos culturais de um século atrás que conquistaram esse Coreto nesse lugar e agora está totalmente abandonado. Além de ser um movimento de resistência cultural, é um movimento de homenagem aos nossos ancestrais que construíram esse coreto”, frisou o organizador.

TEXTO/VAN: CAROLINA COLOMBI

FOTOS: CAROLINA COLOMBI

 

Deixe uma resposta