Social tomou gols de bola parada na partida de domingo

Social perde na estreia do Hexagonal Final do Mineiro

Pela categoria sub-17, equipe são-joanense recebeu o Cruzeiro e perdeu por 4×0

Social tomou gols de bola parada na partida de domingo
Social tomou gols de bola parada na partida de domingo

No primeiro jogo do Hexagonal Final do Campeonato Mineiro sub-17, que reúne as seis melhores equipes da competição, o Social recebeu ontem, no Estádio Paulo Campos, a equipe do Cruzeiro. O Xavante do Matosinhos não se intimidou contra a equipe da capital e equilibrou o jogo no primeiro tempo, mas saiu derrotado após tomar quatro gols na segunda etapa da partida.

O Treinador do clube são-Joanense, André Luiz, disse que, mesmo com a derrota, saiu satisfeito com a atuação dos garotos: “O nosso time no primeiro tempo foi fantástico, fiquei muito feliz com a atuação deles. Agora no segundo tempo, parece que desligaram alguma coisa lá atrás e nós tomamos quatro gols de bola parada. Mas, é categoria de base, os meninos estão aprendendo, a gente está ensinando e vamos continuar trabalhando. A gente está de parabéns, chegamos ao Hexagonal e vamos continuar da mesma forma”.

O jogo

O primeiro tempo da partida foi equilibrado com boas chances para cada lado, o Social avançava pela direita e levava perigo ao gol defendido por João Victor, primeiro com Diogo e depois com Kaio. Já o Cruzeiro insistia pela esquerda de ataque e com muita velocidade passava pela zaga do clube mandante, mas a bola parava nas mãos do goleiro Gabriel, que seguro, evitou o Cruzeiro de marcar na primeira etapa.

O segundo tempo de jogo começou morno, mas ficou marcado pela forte bola aérea da equipe visitante. No primeiro lance de perigo, aos 7 minutos, saiu o primeiro gol do Cruzeiro: o camisa 10 do clube celeste Matheus Henrique recebeu levantamento da esquerda e de cabeça inaugurava o placar.

A equipe do social sentiu o gol e o Cruzeiro se aproveitou. Aos 14 minutos, novamente em lance de bola aérea na área, o zagueiro Leonardo subia de cabeça e ampliava para o Cruzeiro. Três minutos depois, o goleiro Gabriel faz linda defesa após cabeçada, mas a bola sobrou para o número 9 do time celeste, Gabriel Henrique, aproveitar o rebote e fazer o terceiro do clube visitante.

Aos 21 minutos o Social tomava o quarto e último gol na partida, novamente após levantamento de bola parada, a bola caiu nos pés de Gabriel Henrique, que marcou o seu segundo gol e sacramentou a vitória do clube visitante.  Após o quarto gol, o Cruzeiro manteve a posse de bola e o Social buscou diminuir a vantagem, mas sem sucesso.

Balanço do Jogo

Questionado sobre a atuação do time, o goleiro Gabriel comentou sobre o apagão do clube mandante na segunda etapa da partida: “O Social no segundo tempo deu uma desligada no jogo. Mas, agora vamos trabalhar firme para ir ligado contra o América na próxima partida. Vamos lutar, batalhar pelo título”.

O treinador do Cruzeiro, Rodrigo Fonseca, citou as mudanças táticas realizadas no intervalo como fundamentais para a vitória: “Nós optamos por ter jogadores de área no segundo tempo, colocamos dois jogadores de referência para que a bola parada fizesse a diferença e foi o que aconteceu, felizmente”.

Próximos Confrontos:

12162202_951960684876271_1807452163_o
Xavante do Matosinhos enfrenta o América-MG no próximo sábado

O Social Clube viaja para enfrentar o América em Santa Luzia no próximo sábado, dia 17 de outubro. No mesmo dia e horário, o Cruzeiro recebe em Belo Horizonte a equipe do A.M.D.H.

TEXTO/VAN: DIEGO CABRAL E RODOLFO SILVA

FOTOS: DIEGO CABRAL

Deixe uma resposta