Soltem os bichos: o brilho vem com tudo no inverno!

Assim como as grandes metrópoles brasileiras, que seguem tendências da moda em Milão, Paris e Londres, São João del-Rei está antenada para as novas possibilidades do mundo fashion e se prepara para receber o inverno. As lojas começam a receber suas novas coleções outono-inverno a todo vapor.
      Léia Ferreira, 36 anos, gerente da Model Look, diz que as próprias marcas criam o estilo e estão sempre bem atentas ao mundo da moda para que São João del-Rei não perca nada. Para ela, as tendências se expressam a nível nacional e o inverno chega com muito brilho, sendo que as texturas de peles de bichos serão o ponto chave das coleções. Para Léia, atualmente a moda está voltada para o versátil, a fim de que a pessoa possa usar.
      Recém-chegada do congresso anual da Ellus, a profissional sente-se revigorada com a reciclagem e espera um inverno bem aquecido. De acordo com ela, os são-joanenses gostam de andar na moda, ter acesso “ao bacana”. Pergunto o que não pode faltar no armário nesse inverno e me responde claramente que não poderá faltar muito jeans, botas e vestidos que exibem a feminilidade.
      A empresária Vera Lúcia, 47anos, é responsável pela Cazz, boutique referência em São João del-Rei por representar griffes famosas, como Maria Morena, Zinco, Valentina, dentre outras. Ela observa que chegou a vez do couro e de um inverno com muito brilho, muito glitter. Segundo Vera, o dourado píton veio com tudo nessa estação, trazendo, inclusive, imagens de bichos. “O étnico também tem seu espaço”, frisou.
      Maria Aguilar, uma das clientes da Cazz, está ligada na nova coleção. Cliente há mais de cinco anos, acredita que moda é um estado de espírito. Exibindo seu estilo clássico em um lindo modelo Valentina, ela diz que para o inverno não pode faltar um belo vestido vermelho, além de saias, de todos os cortes e tamanhos. Aguilar acredita que é a vez do retrô.
      Talvez esse palpite reflita a preocupação da Dior em buscar inspiração nos românticos anos 40 e 50. A griffe esbanja tons pastéis, decotes comportados e cores suaves. Assim vai ser o inverno da griffe, bem distante das extravagâncias de coleções anteriores. O terninho e/ou casaco, que adquire status de peça principal no guarda-roupa, também já esteve presente em coleções anteriores.
      Já em Milão, entre os destaques, está o peplum (espécie de cinto ou saia plissada que, aplicados sobre as cinturas dos looks, dão volume e textura). Maxibijoux em estilo latino e cintura marcada – o look inspirado em Frida kahlo – abusa das tramas artesanais brasileiras, conforme trouxe a edição 403 da revista Vogue. Já no circuito nacional, destaque para a griffe Maria Bonita, que trouxe vários looks incríveis, como as saias e o peplum.
      Espera-se um inverno com muito brilho e detalhes preciosos. Mas, vale lembrar que é importante manter o bom senso, pois não cai bem usar uma roupa só porque está na moda: analisar o tipo de corpo pode ajudar na hora da escolha. Afinal, a moda passa, mas o estilo prevalece.
      Reportagem: Paula Ribeiro.

Para copiar e reproduzir qualquer conteúdo da VAN, envie um e-mail para vanufsj@gmail.com, solicitando a reportagem desejada. É simples e gratuito.










Deixe uma resposta