Sucesso S.A: empresas juniores da UFSJ promovem melhorias em São João del-Rei e região

      Empresa Júnior (EJ) é uma entidade sem fins lucrativos, formada por alunos de cursos superiores, com objetivo de promover a melhor experiência de mercado para os graduandos, além de contribuir para o empreendedorismo da região. Os estudantes de cursos de graduação da UFSJ (Universidade Federal de São João del-Rei) atuam como prestadores de serviço em prol do desenvolvimento da comunidade e do comércio local. É o caso da Ômega Júnior, empresa formada por alunos do curso de Engenharia Mecânica, que desenvolveu um projeto muito importante na empresa Imagens Carvalho, fabricante de peças em gesso e resina em São João del-Rei.
      O projeto denominado pela Ômega Júnior como “Vira Santo”, caracterizou-se pelo exercício pleno da engenharia com a construção de uma máquina capaz de executar a rotomoldagem, movimentos de rotação contínuos, fazendo com que a resina seja distribuída uniformemente pelas paredes do molde no processo de secagem.“ Nosso projeto promove para a empresa uma grande redução na quantidade de matéria-prima utilizada e aumento de produtividade, já que a máquina gira quatro peças ao mesmo tempo”, ressalta Daniel Lombardi, vice-presidente da Ômega Júnior.
      Paulo Carvalho, proprietário da Imagens Carvalho, diz que a ferramenta elaborada pela Ômega Júnior está em processo de implantação e acredita que pode, a partir de novos planejamentos e utilitários, se tornar mais competitivo no mercado. “Para a comunidade e o mercado de trabalho é muito bom, pois devido à minha demanda de produção ser maior, precisaria de mais funcionários nas áreas de vendas, embalagens, escritório etc.”, acrescenta Carvalho.
      Em outro ramo, mas com o mesmo intuito, a Perfil Consultoria Júnior tem desenvolvido projetos filantrópicos, como a arrecadação de brinquedos a serem doados às crianças carentes no período natalino, além de prestação de serviços a preços pouco expressivos, quando verificada a insuficiência de recursos financeiros do contratante. Katia Costa Bueno, diretora de marketing, acredita que os trabalhos sociais e filantrópicos provenientes da Perfil Consultoria estimulam o desenvolvimento dos futuros profissionais, contribuindo com a assistência a grupos sociais menos favorecidos.
      Um dos projetos que a Perfil desenvolveu em prol da comunidade foi o “Perfil Sustentável”. “Esta atividade tem como objetivo fomentar a consciência ambiental da comunidade interna e externa à Universidade, bem como direcionar ações relativas à sustentabilidade. O plantio de árvores no Campus Dom Bosco, no ano de 2010, foi uma parceria entre a empresa Júnior e alunos da Escola Estadual Doutor Garcia de Lima, de São João del-Rei”, completa Bueno.
      Criada por alunos do curso de Economia da UFSJ, a Sempre Soluções Empresariais, tem o papel de colocar em prática aquilo que os graduandos aprendem durante as aulas, além de oferecer a empresas da região um serviço de qualidade e baixo custo.
      Daniel Nogueira, diretor comercial da empresa Júnior de Economia, afirma que a Sempre Soluções empresariais prestou sua maior consultoria a uma grande empresa da região no ano passado: “Foi um grande projeto que preencheu praticamente todo o nosso segundo semestre de 2011. A Sempre está em processo de consultoria para uma ONG da região, que deve ser iniciada no próximo mês. Com o crescimento da cidade e da própria Universidade, a procura por projetos está aumentando e por isso estamos organizando a empresa para que em um futuro próximo consigamos atender a essa demanda”, comenta Nogueira.
      Diante de todos esses trabalhos, Gustavo Nogueira, presidente da Cenje (Central de Empresas Juniores da UFSJ) desde 2011, destaca que o processo de criação de uma EJ é bem parecido com o de uma empresa comum, com CNPJ, alvará de funcionamento, dentre outros documentos. Segundo Gustavo, o diferencial é que a entidade é sem fins lucrativos e por ser gerida por alunos, há necessidade de ter um professor tutor ligado ao departamento que a EJ atua.
      “Hoje em dia, a Cenje representa 13 empresas Juniores, divididas em três campi da UFSJ. Nosso trabalho é representar, desenvolver e impulsionar as EJs para que consigam realizar feitos cada vez maiores e mais significativos. Também trabalhamos na criação das mesmas, dando todo o suporte necessário para que os alunos dos cursos de graduação que ainda não possuam uma, possam vivenciar essa experiência engrandecedora”, conclui o atual presidente da Cenje.

      Reportagem: Rômer Castanheira.
      Foto: arquivo pessoal das empresas.

Para copiar e reproduzir qualquer conteúdo da VAN, envie um e-mail para vanufsj@gmail.com, solicitando a reportagem desejada. É simples e gratuito.

Deixe uma resposta